Blog

Saiba como foi a palestra “Hack sobre Digital”, com André Siqueira

A última palestra do RD On The Road Curitiba 2017 foi sobre “Hacks sobre Digital”, na qual o co-fundador da Resultados Digitais (RD) André Siqueira ofereceu e explicou 15 dicas práticas e de alto impacto no Marketing Digital. Quer saber quais são essas dicas? Fique atento e anote para não esquecer:

1) + LANDING PAGES = + RESULTADOS

Quanto mais materiais ricos (e-books, planilhas, kits, checklists, quizzes e outros) sua empresa produzir, melhor. Nem todos precisam ser complicados e você pode reutilizar conteúdo já existente reorganizando de outra forma.

E colocando cada um deles em uma landing page com formulário para “resgate” do material, o resultado é o aumento de leads.

2) DESISTA DO CONTEÚDO “PATO”

O conteúdo “pato” é aquele que tenta tudo e acaba não fazendo nada direito. Ou seja, é aquele material que tenta abraçar o mundo, mas não mostra a que veio. Seja direto e claro na mensagem a ser passada ao público.

3) TRANSFORME CONTEÚDO EM PROCESSO

Os conteúdos, por terem objetivo definido, não podem ser considerados “obras de arte”. Por isso, não pode existir falta de inspiração; e, sim, processos para que a produção não pare. Um exemplo é ter uma lista de temas que possam ser explorados. É possível também criar uma fórmula para estruturar os textos, que sirva para a maioria dos materiais a serem criados.

4) FAÇA AS REFERÊNCIAS TE PROMOVEREM

Entrevistar pessoas ou escrever sobre a história/trajetória delas deixa-as mais propensas a compartilhar esse material com o público que as segue nas redes sociais. Dessa forma, promover pessoas pode fazer com que elas também promovam sua empresa e você aparece para muito mais gente.

5) CO-MARKETING

Criar conteúdos em parceria com outra empresa faz com que eles impactem tanto a sua base de contatos como a base de contatos do parceiro. Se você não tiver conhecidos em comum que possam estabelecer uma ligação com determinada empresa, uma ideia que facilita bastante é já chegar com um conteúdo incrível pronto para que o outro só tenha o trabalho de aceitar colocar a marca dele junto a sua.

6) USE AS NOTIFICAÇÕES PARA CRIAR NOVOS CANAIS DE DISTRIBUIÇÃO

Encontre maneiras de notificar o público para que eles saibam que novos materiais estão disponíveis.

7) FUJA SÓ DO ENVIO DE E-MAILS, NUTRA EM OUTROS CANAIS

Não dependa todo o seu planejamento de marketing digital no envio de e-mails-marketing. Busque encontrar maneiras de gerar e nutrir leads via site, blog e redes sociais.

8) VÁ ONDE SEU CLIENTE JÁ FOI

Os hábitos do seu público na internet dizem muito sobre ele. Por isso, procure saber o que ele busca e consome, e pense em uma maneira de estar presente ali também. Se possível, traga a atenção dele para os seus canais de comunicação.

9) SEU BLOG PODE SER MUITO MAIS QUE TRÁFEGO: CONVERTA!

Além de informar e entregar conteúdo de qualidade no blog, aproveite o espaço para divulgar algum dos materiais ricos disponíveis, desde que faça sentido com o tema abordado.

10) PERSONALIZAÇÃO

Clientes são carentes de atenção. Então um esforço em personalizar a divulgação resulta em engajamento, pois, dessa forma, eles se sentem especiais.

11) PROMOVA POSTAGENS PARA QUEM É MUITO FÃ ANTES DE DIVULGAR PARA O RESTO DO PÚBLICO

Isso faz com que os clientes mais engajados com a sua marca se sintam privilegiados de receber algo em primeira mão. O objetivo é que eles interajam de forma positiva e criem prova social de que existem fãs de verdade, o que aumenta a credibilidade da empresa.

12) EMOJIS EM TODO LUGAR

A comunicação escrita pode ser interpretada de diversas maneiras, geralmente de acordo com o humor do receptor na hora em que lê a mensagem. Para ajudar a transmitir o tom correto da fala, use emojis.

13) RETARGETING

O retargeting objetiva mirar novamente em um alvo que já demonstrou interesse em um produto ou serviço da sua empresa. Então, por meio de automação, é possível impactar o cliente mais algumas vezes com propagandas daquilo que ele já procurou. Muitas empresas já fazem isso, como, por exemplo, a Decolar, a Netshoes e a Dafiti.

14) LEAD ADS

No Facebook, por exemplo, há um tipo de divulgação que inclui um botão de download, e funciona mediante preenchimento de alguns dados. O funcionamento é semelhante ao efeito de uma landing page.

15) LEMBRE-SE: SEUS CLIENTES SÃO PESSOAS!

As automações são muito úteis, mas não podem sobrepor ao fator humano. Seus clientes são pessoas e precisam ser tratadas como pessoas, nunca números.

E AGORA É HORA DE COLOCAR TUDO ISSO EM PRÁTICA!