Blog

Saiba como foi a palestra “O que é preciso saber para aplicar Inbound Marketing na prática”, com André Alves

A segunda palestra do RD On The Road Curitiba 2017 foi com o André Alves, da própria Resultados Digitais. A missão dele no palco é mastigar ainda mais como praticar o Inbound Marketing no dia-a-dia, em como usá-lo com eficácia e sobre perder o medo de colocar o conteúdo na web.

SERÁ QUE É TÃO COMPLEXO APLICAR O INBOUND MARKETING NA SUA EMPRESA?

Aqui no Brasil, muito conteúdo começou a ser criado e, com isso, o interesse pelo tema e pela estratégia de usar a produção de conteúdo como tônica para a comunicação das empresas gerou muito interesse e cresceu com o passar dos anos.

André explica que com tantos termos (Inbound, leads, jornada, SEO, conversão, entre tantos outros) é fácil – e caro – ficar perdido. Ele oferece algumas dicas para que isso não aconteça.

O QUE É PRECISO SABER PARA APLICAR O INBOUND NA PRÁTICA?

Primeiro, é preciso entender que existem 3 etapas:

O CONTEXTO E AS MUDANÇAS

O FUNIL DE VENDAS

METODOLOGIA PASSO A PASSO

No contexto e nas mudanças, analisamos que antes os clientes eram reféns das informações que o vendedor dava. Não havia como pesquisar. Agora, antes mesmo de se deslocar até a loja mais próxima, fazemos diversas pesquisas na internet sobre o que desejamos comprar. Isso fez com que o poder de compra ficasse ainda mais forte para o lado do cliente. Segundo dados da própria RD, 67% do processo de compra já é feito antes do contato com a loja, e o time de marketing domina esse processo. Ele se torna o combustível do negócio.

Já no funil de vendas, ele mostra as fases de atração, que é feito com marketing de conteúdo, SEO, compra de mídia e mídias sociais.

Na parte de converter, aprendemos a transformar visitantes em leads, oportunidades. O grande lance é criar uma oferta gratuita – como dar um e-book com conteúdo bacana – e em troca pedir dados, para captar o lead. É preciso entender que os primeiros leads que sua empresa vai gerar não estão exatamente prontos para comprar seu serviço ou produto, por isso é preciso nutrir um relacionamento e criar um diálogo com eles.

Passando para a fase de relacionar, o palestrante mostra que é preciso entender o momento de compra do lead e nutrir os que estão despreparados com conteúdo, além de direcionar os que estão prontos para compra. Além disso, mostra como algumas funções de software como o RDStation ajudam a automatizar esse relacionamento, dando como exemplo o envio de email marketing automático.

O Lead Scoring também foi colocado em destaque, pois é preciso identificar as melhores oportunidades de negócio.

Chegando na parte de vender, é preciso analisar o histórico do lead e fazer uma venda construtiva, ajudar antes de vender e fidelizar o cliente.

Depois de tudo isso, uma parte importantíssima é analisar, entender os melhores canais, que estão trazendo mais retorno e investir onde esse ROI é mais forte.

O PASSO A PASSO

O primeiro passo é a criação de conteúdo. Blog posts, ofertas, landing pages e gerar os leads. Leads esses que serão nutridos e comprarão. O essencial é trazer um conteúdo relevante e objetivo.

Depois disso, quando você já tem o lead, é hora de criar um relacionamento. Disparar e-mail marketing, definir um calendário de postagens, segmentação e analisar resultados.

Depois, é hora de continuar com o planejamento e aprofundar a definição de temas, de calendários e aumentar a produção de conteúdo. Dica do palestrante: se não tem muita ideia do que escrever, entre no www.import.io que você analisa todo o conteúdo do site concorrente e pode fazer escrever melhor.

Aí, chega a hora de fechar a venda! Com essas dicas, não precisamos nem desejar sorte!